Nunca esquecemos?

sábado, julho 20, 2013

No outro dia, uma pessoa bastante especial, disse-me "nunca te vou esquecer". O meu coração sorriu para ela, mas depois ao chegar a casa começou a pensar: será verdade? Aquela pessoa não me vai mesmo esquecer? Quer dizer, de certeza que não se vai esquecer, quando estiver mais velha, que há muitos anos conhecer uma pessoa que lhe foi especial, mas não se irá mesmo esquecer de mim? Não se irá esquecer do meu nome, da minha cor favorita, da maneira como quando sorrio inclino a cabeça para um lado? A verdade é simples: existem memórias que não se esquecem, dias que permanecem e sentimentos que nos lembramos que sentimos (isto, quando nos lembramos) mas e as pessoas com quem vivemos isso? Vamos esquecendo-as com o tempo ou também elas ficam na totalidade na nossa memória? É verdade que existem pessoas que nós nunca esquecemos ou isso é só uma daquelas promessas ilusórias e bonitas que dizemos uns aos outros para (tentarmos) acreditar que o "para sempre" existe?

You Might Also Like

12 comentários

  1. Mariana, acho que posso dizer algo a respeito pois, já tenho alguns anos de estrada... Existem pessoas que a gente não esquece nunca mesmo. Podemos esquecer detalhes (como o seu inclinar a cabeça ao sorrir) mas, a essência da pessoa fica...as vezes até o cheiro, a voz, lembramos. Algumas pessoas a gente nem se lembra o nome mas lembra da pessoa... Outras, que até estiveram bem próximas da gente, são deletadas de tal forma que "nem Santo Antonio com gancho" consegue nos fazer lembrar...
    Os motivos que imprimem as pessoas na nossa lembrança são os mais variados e inusitados, bons e maus, agradáveis e desagradáveis...
    Enfim, se temos que ficar registrados na história de alguém ficamos e se alguém, por sua vez, tem que ficar registrado na nossa história, ficará.
    Bom fim de semana! Um abraço!
    Egléa

    ResponderEliminar
  2. Às vezes também penso muito nisso. Na carência que temos da nossa memória nos outros, mas depois penso nas partidas tão imprevisíveis ou não dos outros em nós e nada fica. Chego a achar que nada fica, e é triste. Temos que o aceitar. Um beijinho Mariana

    ResponderEliminar
  3. Eu penso que acima de tudo não esquecemos os momentos, mas ao longo da vida tudo o que acaba por ser fisico é esquecido... agora os registos vividos ficam para sempre gravados na nossa memória, principalmente aqueles que nos marcam. Por mim falo, é assim que pelo menos acontece comigo. A cara pode ser invisivel, o nome pode ser diferente, mas o momento vivido está lá. Beijinho*

    ResponderEliminar
  4. eu sei que não te esquecerei, sei-o porque o senti no dia dos abraços. toda a tua ternura chegou até ao meu coração, naquela tarde tão especial. és realmente brilhante, Mariana bonita.

    ResponderEliminar
  5. Isso é uma questão que também me deixa indignada. Com o tempo percebemos que muitas são as pessoas especiais que passam por nós num período de vida e depois desaparece muito, desaparecem lembranças e sorrisos, convivências. Fico triste mas assumo que faz parte da vida. Espero que 'não te esqueçam', e acredito que Mariana, eu não te esquecerei, e sabes porquê? Porque pelo menos neste mundo blogueiro, para mim, marcas a diferença entre mil e um blogues que sigo. Um dia serei velhinha e espero lembrar este blogue, este cantinho que um dia existiu de uma rapariga que fez um projeto de cartas percorrer o mundo e que ama a Natureza como mais ninguém. *

    ResponderEliminar
  6. Ah, e outra coisa: a mim o fundo do blogue dá bem. Pode ser do teu browser, não? Tenta ver outra vez e diz algo - se o problema persistir, diz-me que browser usas. Assim tento resolver. :)

    ResponderEliminar
  7. É minha cara, minha nona costumava dizer que o segredo da vida é ser lembrada por alguém, então se essa pessoa lembrar-se de ti num futuro não tão distante assim, terá cumprido com um velho ritual: existir. rs

    bacio

    ResponderEliminar
  8. isso é mm difícil mas eu tento acreditar que sim, quando se quer e quando se gosta de verdade tem que haver esse para sempre! só assim é que faz sentido*

    ResponderEliminar
  9. Se a pessoa entrou mesmo no nosso coração não esquecemos. Se foi importante para nos fazer crescer, não se esquece :) e, para mim, às vezes não importa lembrar o detalhe mas sim o sentimento e o impacto dessa pessoa na nossa vida

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  10. Eu acho que vamos ficando enquanto valer a pena, mesmo que distantes! Se as memórias forem boas (eu vou tentando não ocupar mt espaço com as más), acho que vamos sempre recordando (e adocicando com o tempo). Como diz a musica "Coração não é tão simples quanto pensa, Nele cabe o que não cabe na despensa!" :)

    ResponderEliminar
  11. Há pessoas (mesmo que raras) que não se esquecem mesmo, que ficam mesmo, coração. :))

    ResponderEliminar

Seguidores

Junta-te ao Facebook

Amantes de Chá

Junta-te ao grupo #umaxícaradechá