Três luas com os teus mocassins.

By Mariana Neves - dezembro 17, 2012

Pézinho.

Toda a gente conhece o "põe-te na pele da outra pessoa", ou várias frases feitas que nos dizem que temos que compreender os outros. Na verdade a frase que me diz mais, sobre esse tipo de coisas, foi uma que li uma vez num livro da Susanna Tamaro "Antes de julgares uma pessoa, caminha durante 3 luas com os seus mocassins." Acho curioso porque, quando falamos em compreensão somos todos uns peritos, contudo quando chega a hora de realmente o ser, as coisas já são bem diferentes. Fica bonito dizer "eu compreendo-te", mas será essa a verdade? Não estará a pessoa a dizer só que sim para parecer amigo? Existem coisas por mais que queiramos só as conseguimos compreender se realmente conseguirmos colocar-nos na pele da outra pessoa. Não por cinco minutos, mas por mais tempo. Como se realmente aquela fosse a nossa vida. Como se aquilo nos tivesse a acontecer a nós. Como é que nós reagiríamos  Como nos sentiríamos? Como diz, novamente, a grande Susanna Tasmaro "Vistas de fora, há muitas vidas que parecem falhadas, irracionais, loucas. Enquanto se está de fora, é fácil compreender mal as pessoas, as suas relações. Só de dentro, só caminhando durante 3 luas com os seus mocassins é que se pode compreender as motivações, os sentimentos, aquilo que faz agir uma pessoa de uma forma e não de outra. A compreensão nasce da humildade, não do orgulho do saber." E isso é mesmo a verdade. Quando nos tornamos as outras pessoas, as coisas tornam-se não só mais claras como também se consegue explicar certas reacções ou maneiras de pensar. Fica a dica, quando disserem que compreendem, compreendam mesmo.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários