Nas auto-estradas (como na vida) a inversão de marcha não é permitida.

By Mariana Neves - fevereiro 05, 2013

Because we have believed
Photo : © Nicolas Blain | www.nicolasblain.com/ 
Existem pessoas das quais não devíamos gostar e gostamos. Existem também coisas que devíamos gostar de fazer mas não gostamos. Existem, por fim, decisões que não gostávamos de tomar, mas que realmente temos que o fazer.
Quem nunca teve que tomar uma decisão contra a sua vontade que se sinta um sortudo. No nosso dia-a-dia temos sempre decisões que temos que tomar: qual o caminho a seguir, como ocupar o nosso tempo, o que fazer de jantar, etc. Nem sempre nos sentimos à vontade para tomar essas decisões. Por exemplo, eu odeio ter que optar por sentimentos, por pessoas. Em contra partida, conheço pessoas que odeiam tomar a decisão do que fazer para jantar ou almoço. enquanto isso para mim não é desagrado nenhum.
Existem decisões e decisões. Decisões fáceis e decisões mais complicadas. Decisões que não nos deixam a pensar, outras que nunca nos abandonam o pensamento e ainda outras que o Destino faz questão de nos relembrar ao virar de cada esquina. Seja como for é algo que temos que fazer. 
"Quem quer faz, quem não quer arranja desculpas". E por muito que custe existem certas coisas que têm que ser feitas, custem o que custarem. Têm que ser feitas e ponto final. 

  • Share:

You Might Also Like

1 comentários

  1. Ainda estou a espera que tu venhas novamente para Viseu, e que me digas..
    A ver se ainda este mês te respondo a carta que me envias-te. Beijinhos (:

    ResponderEliminar